I

FEITO A FACÃO

Hugo Pinto de Carvalho

 

 

 

Em Itiúba era comum dizer que quando uma coisa não era bem elaborada, era porque teria sido “feita a facão”. Foi um dito popular muito utilizado, porém, tem que se reconhecer que era uma comparação injusta com a sempre reluzente  e amolada ferramenta de aço largamente utilizada em várias atividades.

Pesquisando com pessoas mais idosas da região, descobri  que a  principal comparação era com os objetos feitos de madeira por profissionais largamente habilitados  em equipamentos chamados de Tornos, e os feitos por leigos com uso do injustiçado facão, mas pouca gente  fazia distinção: Tudo mal elaborado era chamado de “feito a facão”.

 

 



 

IR PARA O ÍNDICE DE CRÔNICAS DESTE AUTOR
IR PARA O ÍNDICE POR ASSUNTO
IR PARA O ÍNDICE POR AUTOR
IR PARA O ÍNDICE GERAL

 

Itiúba do meu Tempo - Fernando P. de Carvalho


fpcarvalho@globo.com