A A r

A Bicicleta de Moça

Valmir Simões


Tenho uma nítida lembrança do local onde se alugava bicicletas em Itiúba. Além de ser um estabelecimento comercial de gêneros alimenticios, servia, também, como oficina para consertos de pneus furados e aros tortos. O próprio dono cuidava de tudo.

Logo cedo da manhã ele amarrava, na garupa de uma bicicleta de moça, um vasilhame e se dirigia à Fazenda Grotão para trazer o leite fresco do dia. Pessoa afável, alegre e muito brincalhona, filho de tradicional familia local, bom de prosa, dava uma atenção toda especial aos canários que criava e as gaiolas eram penduradas em frente a sua casa comercial. Além do milho alpiste e painço costumava sentar em um batente da loja do Teia com uma pedra de rio nas mãos e triturava o milho de galinha bem miudinho, pois achava que assim ele ficava mais nutritivo para os pássaros.

Certa vez eu lhe perguntei por que ele só usava bicicleta de moça e não as bicicletas tradicionais para homens. Ele me respondeu: - Muito simples, de todas, esta é a melhor em tudo. O pneu é fino, marca phyllips e tem freio contra-pedal. Por isto tudo eu tenho mais confiança nela. As outras são para aluguel, esta não. Tenho monarck, merc-suisse e outras, mas não troco nenhuma por esta. Muita gente já me perguntou por que uso bicicleta de moça. Não é por outro motivo e, além do mais, tenho mais facilidade de descer, pois não tem quadro. Sorrindo costumava dizer: - Afinal tá pensando que eu sou o que? Assim levava a vida.

O tempo de aluguel das bicicletas era anotado em um quadro-negro. Solicitação de documento de identidade do locador? Que nada! Todo mundo era conhecido e garanto que ele nunca teve prejuizo algum no aluguel e, muito menos, teve qualquer uma de suas bicicletas furtadas. Quanta gente boa e honesta naquele tempo, que diga o JOÃOZINHO DO SINHÔ ou JOÃOZINHO FRANÇA, nosso personagem de hoje.

 

IR PARA O ÍNDICE DE CRÔNICAS DESTE AUTOR

IR PARA O ÍNDICE POR ASSUNTO
IR PARA O ÍNDICE GERAL
IR PARA O ÍNDICE POR AUTOR

 

Itiúba do meu Tempo - Fernando P. de Carvalho

fpcarvalho@globo.com