O LOCUTOR GARBOSO

Hugo Pinto de Carvalho

 

De todos os locutores da Rádio Cultural, e olha que foram muitos, sem dúvida alguma, o mais garboso de todos foi o Antoninho do Soares que ao iniciar a abertura dos trabalhos caprichava na voz e na pontuação e arrastando todos os "erres" e destacando os "esses", começava assim: "Senhoras e Senhores, Boa Noite! São exatamente dezenove horas do dia 22 de maio do ano cristão de 1953 e neste momento estão entrando no ar as ondas sonoras do Serviço de Alto-Falantes da Sociedade Rádio Cultural de Itiúba, a Voz da Cidade, diretamente de seus estúdios situados na Avenida Getúlio Vargas, 1, esquina com a Praça da Matriz, no primeiro andar do Edifício Belarmínio Pinto, através de uma vasta e potente rede de sons alimentada pelos seus transmissores da marca Masco de 500 watts de potência filtrada, levando muita música para o deleite de seus ouvintes".

Quem ouvia aquela apresentação e não soubesse que ele estava se referindo a um serviço de divulgação sonora com apenas três alto-falantes amarrados nos postes de luz da cidade, certamente ficava muito impressionado.

Outros locutores que por lá passaram. Rogério: "enchia" todo mundo repetindo as músicas de Jorge Ben, principalmente "Chove Chuva", a noite toda.
Manoel Carlos: fazia questão de ser o locutor no dia do aniversário do Sr. José Simões, pelos motivos já explicados em outra página deste site.
Clóvis Carvalho queria organizar tudo fazendo antecipadamente a programação das músicas a serem tocadas, com até 3 dias de antecedência e no fim nada dava certo.

 

Colaboração do irmão Hugo

SOBRE A RÁDIO CULTURAL LEIA TAMBÉM:
- A RÁDIO CULTURAL (pág.04) - Fernando P. de Carvalho )
- UMA NOITE NA RÁDIO CULTURAL (pág.86) - Fernando P. de Car
- A ESTAÇÃO E A MALA MISTERIOSA (pág.33) - Fernando P. de Carvalho
- O SANDOVAL E O GRITO DA GALINHA (pág.46) - Fernando P. de Carvao)
- O LOUCO CACIANO (pág.20) - Fernando P. de Carvalho

IR PARA O ÍNDICE DE CRÔNICAS DESTE AUTOR
IR PARA O ÍNDICE POR ASSUNTO
IR PARA O ÍNDICE POR AUTOR
IR PARA O ÍNDICE GERAL

Veja a próxima crônica

Itiúba do meu Tempo - Fernando P. de Carvalho

fpcarvalho@globo.com