A A r

O Caminhão do Quinca

Valmir Simões

 

 

 

 

 

 

Era sábado e logo cedinho os comerciantes que ocupavam os seus espaços já determinados começavam a armar as suas barracas com grandes cavaletes e tabuleiros para acondicionar suas mercadorias. Uma lona dava o acabamento na cobertura. Os comerciantes da cidade de Cansanção se destacavam pelas novidades oferecidas. O Pai Velho, assim como era conhecido, tinha o maior sortimento entre todos. Além de carregar no seu velho caminhão as suas mercadorias, também trazia outros feirantes. Em Itiúba tínhamos o Quinca que usou da sua inteligência e tirocínio comercial e também comprou um antigo caminhão Chevrolet, cara de sapo (Como era conhecido este modelo). Aprendeu a dirigir e passou a fazer os roteiros das feiras dos distritos de Itiúba, transportando, também, outros barraqueiros, nos mesmos moldes do concorrente Pai Velho. O Quinca sempre foi um vencedor no seu ramo de negócio.

 







 

 


Itiúba do meu Tempo - Fernando P. de Carvalho

fpcarvalho@globo.com