A A r

Os Casarões de Itiúba

Valmir Simões

 

 

 

 

 

Pedra, cal, barro, cimento e adobão foram as matérias primas usadas para a construção dos inúmeros casarões da nossa cidade. As pedras e o barro tinham em abundância em vários locais próximos a cidade, apenas o cimento vinha de fora. O adobe ou adobão era, na maioria das vezes, produzido no próprio local da edificação, era uma mão de obra barata, assim como a sua matéria prima, geralmente aproveitada da escavação dos alicerces ou dos fundos dos terrenos. Não existia o processo de queima em olarias, como os tijolos de hoje em dia. Naquele tempo, com uma forma retangular em madeira, água e barro, só dependia da secagem ao sol, para que tivesse o adobão pronto para o uso. Ficavam enfileirados e espalhados por uma grande área, geralmente cobertos de palha para proteção da chuva. Depois de prontas e rebocadas, ninguém dizia que as casas eram todas de barro e até hoje lá estão os casarões de pé, presenciando o passar das gerações.


Itiúba do meu Tempo - Fernando P. de Carvalho

fpcarvalho@globo.com