A A r

O Jogador Onça em Itiúba

Fernando Pinto de Carvalho

 

 

 

 

O jogador Onça, nas décadas de 60 e 70, destacou-se como um dos melhores zagueiros do Brasil, atuando pelo Bahia e pelo Flamengo do Rio de Janeiro. Em sua trajetória esportiva atuou, também, pelos clubes Fluminense de Feira de Santana, Sport do Recife e Sergipe de Aracaju, onde encerrou a sua carreira em 1978. O Onça está atualmente com 65 anos de idade e mora em Santaluz, sua cidade natal.


Ele gostava muito de Itiúba e sempre que podia estava lá, mesmo quando já era famoso. Era muito amigo dos irmãos Margarida e Mário Rodrigues. Lembro-me que ele tinha um carro (acho que era um fusca) com a frase “O Onça Chegou” colada no vidro traseiro.


Uma vez nos encontramos no restaurante do trem de passageiros que fazia o percurso Salvador/Juazeiro à noite. Ele estava com um amigo e nós três tomamos várias cervejas durante a viagem. Ele desembarcou em Santaluz onde iria jogar pela seleção de futebol local no dia seguinte e eu prosseguir a minha viagem até a nossa Itiúba. Disse-me que da estação da leste iria direto para uma fazenda e que o pessoal da cidade só iria saber que ele estava lá, quando aparecesse no campo de futebol já com a camisa da seleção. Tudo isso para evitar reclamações dos dirigentes da seleção adversária, pois ele já atuava em times profissionais.


Lembrei-me de tudo isso porque li, recentemente, na internet, que o grande craque do passado está com a sua saúde debilitada devido ao Mal de Alzheimer e que sua situação financeira também não é das melhores. Desejamos melhoras para a sua saúde e que tenha o reconhecimento que merece.

 

 


Itiúba do meu Tempo - Fernando P. de Carvalho

fpcarvalho@globo.com