"Seu" Zé Simões

Valmir Simões

 

 

 

São seis horas da manhã de um dia qualquer, chovendo ou não, um horário sagrado para sair de casa em direção ao seu armazém, roupa na cor cáqui clarim, paletó e calça no mesmo tom, sapato preto, chapéu de baêta, óculos escuros e o inseparável quente-frio em uma das mãos, este era o jeitão do meu saudoso Pai (Zé Simões), um cara de uma bondade sem tamanho, querido por todos, filho de uma tradicional família, os “Simões”. Alegre, festeiro, no dia 27 de setembro de cada ano promovia, uma festança no seu armazém, distribuindo bebidas, doces, balas, e licor de Jurema, para todas as pessoas que ali chegavam, tinha gente que ficava bêbado escornado pelas calçadas e ele não ficava fora da folia, eu tomava conta da chave da venda, comprava uma infinidade de ingressos no cinema e distribuía para muitas pessoas. Era um filho gêmeo com meu tio Juca, que este nasceu 5 minutos depois, ele sorria dizendo que era mais velho do que ele 5 minutos apenas, apesar de serem gêmeos, tinham comportamentos diferentes, meu pai tomava uns tragos, fumava, dançava, curtia mais a vida, no entanto o seu irmão era completamente diferente, a Festa de São Cosme 27/9 ele não participava, ignorava a data.

 

 

 

UM NOVO BLOG

Vejam um novo Blog sobre o itiubense Humberto Pinto de Carvalho, conhecido em Itiúba como Bertinho, clicando no link: http://humbertopintodecarvalho-bertinho.blogspot.com/

BLOG DO VALMIR

O Valmir Simões, grande colaborador deste site, também tem um interessante Blog que pode ser visitado clicando no link abaix:

http://blogvalmyr.blogspot.com/

 

IR PARA O ÍNDICE DE CRÔNICAS DESTE AUTOR
IR PARA O ÍNDICE POR ASSUNTO
IR PARA O ÍNDICE POR AUTOR
IR PARA O ÍNDICE GERAL

 

Itiúba do meu Tempo - Fernando P. de Carvalho


fpcarvalho@globo.com