Meu Primeiro Pinho

Antônio Ricardo da Silva Benevides

 

 

Comprei o meu primeiro violão ao Cezinha, no ano de 1966. Era um Tonante, cor natural ,com cordas de aço, uma mercadoria difícil de se encontrar em Itiúba e no Bazar do Valdo Pitanga sempre faltava no estoque e eu era obrigado a mandar comprar na loja “Os Cocones”, na vizinha cidade de Senhor do Bonfim. O referido violão tinha tarraxas de madeiras também chamadas de cravelhas, o que dificultava bastante a sua afinação.
Comecei a tocar precariamente sozinho, más aprendi as primeiras notas, dô, ré, mi, em seguida resolvi tomar aulas práticas com o Renatão que fazia o maior sucesso com seus bordões, solando as músicas de Dilermando Reis, com destaque para a “ Marcha dos Marinheiros”. Pratiquei também com o Joãozinho Marceneiro e o Dedé da Damiana. O tempo passou e eu sempre tocando, mas restrito a poucas canções.
Um certo dia em uma seresta, o Egui ensinou-me a cantar e acompanhar a música “ Marimba”, composição do Trio Irakitan e a partir daí tornei-me um verdadeiro seresteiro.

 

 

 

IR PARA O ÍNDICE DE CRÔNICAS DESTE AUTOR
IR PARA O ÍNDICE POR ASSUNTO
IR PARA O ÍNDICE POR AUTOR
IR PARA O ÍNDICE GERAL

 

Itiúba do meu Tempo - Fernando P. de Carvalho


fpcarvalho@globo.com