Os Caronas do Trem

Hugo Pinto de Carvalho

 

 

 

Uma perigosa diversão praticada por muitos adolescentes em Itiúba, principalmente pelos que moravam na rua da estação, era “pongar” como eles diziam, no trem em movimento e “despongar” a algumas quadras adiantes sem esperar o mesmo parar. Foram muitos os praticantes dessa arriscada brincadeira. Bastaria um simples escorregão e qualquer um poderia cair embaixo das rodas. É verdade que não foi registrado nenhum caso grave, talvez por pura sorte, ou mesmo por milagre da Padroeira da cidade, Nossa Senhora da Conceição, que deve ter tido muito trabalho com a molecada, considerando o alto risco da tal brincadeira.


 

 

IR PARA O ÍNDICE DE CRÔNICAS DESTE AUTOR
IR PARA O ÍNDICE POR ASSUNTO
IR PARA O ÍNDICE POR AUTOR
IR PARA O ÍNDICE GERAL

 

Itiúba do meu Tempo - Fernando P. de Carvalho


fpcarvalho@globo.com