ZÉ DA MAÇU

Hugo Pinto de Carvalho

 

 

 

 

 

Criado pelo velho pintor Ludugério e D. Maria Maçu, o nosso amigo Zé, foi uma pessoa muito conhecida na cidade.

Meio boêmio gostava de cantar e também tomar umas biritas, tocava violão, pandeiro e bateria, e em roda de amigos sempre estava contando “causos” que serviam de motivo para soltar sua sonora e conhecida gargalhada. Em festas de casamento dos amigos ou parentes, era o primeiro a chegar á igreja elegantemente vestido de terno branco e gravata.

Tocamos juntos muitas vezes na orquestra e na filarmônica da Sociedade 2 de Julho com o maestro Evilásio nas décadas de 50/60.

 

 

 

 

 

 

 

 

IR PARA O ÍNDICE DE CRÔNICAS DESTE AUTOR
IR PARA O ÍNDICE POR ASSUNTO
IR PARA O ÍNDICE POR AUTOR
IR PARA O ÍNDICE GERAL

 

Itiúba do meu Tempo - Fernando P. de Carvalho


fpcarvalho@globo.com